Victor Chaves fala sobre saída da Globo após caso de agressão contra a ex-mulher

Segundo informações, cantor está sofrendo de depressão profunda e se encontra isolado no interior de Minas

Postado em: em Um Toque a +

​O cantor Victor Chaves resolveu retornar às redes sociais para se defender do episódio de agressão à sua esposa e detonou a Globo.



Após o escândalo da agressão, Victor viu sua carreira desmoronar, perdendo contratos importantes e colocando o fim na dupla sertaneja. 

Um dos principais contratos, com a Rede Globo, no qual o cantor era jurado do The Voice Kids, também foi encerrado e o sertanejo foi demitido da emissora.

Victor Chaves afirma que nunca pediu para sair da Globo, como foi divulgado, e aproveitou para detonar a emissora de Boninho, acusando-a de mentir para tentar destruir sua imagem, que já estava denegrida após as polêmicas: “Eles colocaram que eu pedi para sair do programa. Isso nunca aconteceu. Eu tinha problemas com a direção, por questões ideológicas. Me destruir era um bom negócio. Não conseguiram”.

Até o momento, a Rede Globo não se pronunciou sobre a declaração. As mentiras da emissora, relatadas pelo cantor, nunca haviam sido expostas antes, e até então o grande público pensava que Victor Chaves realmente teria pedido para deixar o programa após os escândalos de sua vida pessoal.

O artista passou por momentos conturbados após a condenação por agressão. Sendo o cantor, as imagens foram editadas para incriminá-lo e ele nunca chegou a agredir a esposa.

Depressão e Tentativa de Suicídio

(Foto: Redes Sociais)
(Foto: Redes Sociais)

Condenado por agressão, Victor negou as acusações de ter agredido sua esposa, que na época estava grávida: “É triste Poliana dizer no depoimento que eu a joguei no chão. Na TV, aceleraram o vídeo. Não dá para ver que estou arqueando o corpo para suavizar a queda dela. O exame de corpo de delito deu negativo. Não havia marcas de agressão”.

O episódio gerou uma grande onda de revolta em todo o país. Fãs e grande parte do público se revoltaram contra o cantor, propagando mensagens de ódio e justiça nas redes sociais. 

Uma das revindicadoras de justiça foi Roberta Miranda, que o detonou e ficou chocada com a pena de 18 dias pelo crime. 

Victor Chaves revelou que, após o episódio, pensou em tirar sua própria vida: “Fui para Uberlândia para decidir se ia parar a turnê da dupla. Lá me deparei com um caos psicológico e emocional. Tombei. Seis dias depois do episódio quase tirei minha vida”.

*Movimento Country


Artigos Relacionados