Secretaria de Agricultura lança publicação sobre alimentação escolar

Com dicas de especialistas, livro ‘Lancheira Escolar’ foi lançado no festival gastronômico Mesa São Paulo

Postado em: em Gastronomia

​Em função da celebração do Dia Nacional do Livro, comemorado na terça-feira (29), a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado (SAA) lançou o livro “Lancheira Escolar”, durante o Mesa São Paulo, no espaço do Governo de São Paulo no evento, chamado de “Feito em SP”.

A obra infantil foi elaborada pelas nutricionistas do Centro de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Cesans), da pasta.

O exemplar já está disponível para consulta na biblioteca virtual do Cesans e foi criado para apresentar alternativas vantajosas e adequadas para o lanche escolar das crianças.

“O livro será importante para ensinar os pais a montar lancheiras com alimentos saudáveis e atrativos para as crianças e fornecerá várias opções dos grupos alimentares que podem estar presentes na merenda”, explica Sizele Rodrigues, nutricionista da Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro).

Dicas

As receitas na publicação explicam como se fazer lancheiras completas, equilibradas, variadas e divertidas. 

As novidades foram testadas pelas nutricionistas na cozinha experimental da Codeagro para levar uma alimentação com porções adequadas de carboidratos, proteínas, frutas e legumes, sem se esquecer da garrafinha de água para ajudar na hidratação.

Cinco dicas de ouro presentes no livro:

1 – Faça um planejamento semanal com a elaboração dos cardápios e lista de compras; a prática auxilia no controle de gastos, evita desperdício e facilita a rotina.

2 – Providencie lancheira e garrafa térmica, bem como cubos de gelo em gel; o exercício é para facilitar a conservação dos alimentos.

3 – Utilize frutas, legumes e verduras da época; a técnica traz economia por causa da produção dos alimentos estarem em alta e em melhor qualidade e valor nutricional.

4 – Deixe as apresentações mais atraentes com forminhas de diferentes modelos, moldes de cortes para frutas e desenhos nas preparações, tornando a lancheira mais divertida e atrativa.

5 – Varie os tipos e cores dos alimentos que irão compor a lancheira; a atividade criará um paladar mais diversificado para a criança e garantirá o consumo de diversos nutrientes.


Artigos Relacionados