Helinho Garcia, técnico do Sesi Franca Basquete palestra nesta quinta, 11

Com o tema "Motivação: Trabalho em Grupo", palestra gratuita faz parte do aniversário da Santa Casa

Postado em: em Cotidiano

Dando continuidade à programação que celebra seus 122 anos, a Santa Casa de Misericórdia de Franca promove nesta quinta-feira, 11 de julho, às 15h30, em seu Anfiteatro, a palestra gratuita com Helinho Garcia, técnico do Sesi Franca Basquete.

Ele discorrerá sobre o tema “Motivação: Trabalho em Grupo”, quando dividirá com o público o resultado de sua experiência e todo seu know how. “É fundamental que os líderes saibam comandar suas equipes tanto nas vitórias como nas derrotas. Muitas vezes somos obrigados a dizer verdades que vão doer, mas isso é importante. O retorno para a equipe, o feedback, tanto positivo quanto negativo, é indispensável para o sucesso. Mas, o que é realmente necessário, é sabermos que o resultado é sim importante, mas o caminho para chegar até o fim é tão importante quanto”, comenta Helinho.

A palestra é aberta ao público em geral, mas por ter vagas limitadas, pede-se a confirmação de presença pelo e-mail [email protected].

A entrada para o Anfiteatro da Santa Casa é pela Recepção Central, à Rua Dr. Júlio Cardoso.

Perfil do palestrante

Depois de brilhar como armador durante quase duas décadas, Helinho Garcia está vivendo uma experiência diferente no basquete: ser treinador. Desde a temporada 2016/2017, o consagrado ex-jogador comanda o Sesi Franca Basquete, seguindo os passos de seu pai, o lendário ex-treinador Hélio Rubens.

Durante quase duas décadas, Helinho Garcia brilhou como poucos atuando como armador e teve uma linda carreira, principalmente em sua cidade natal. Com a camisa francana, foram três títulos nacionais e um Estadual. Além disso, também foi campeão brasileiro por Vasco da Gama e Uberlândia.

Em seu primeiro NBB CAIXA, liderou a equipe francana à sua melhor campanha nas últimas cinco temporadas na fase de classificação, ao terminar com o terceiro lugar. Já nos playoffs, acabou eliminado pelo vice-campeão Paulistano nas quartas de final, por 3 a 2.

Apesar da dolorosa eliminação, Helinho e sua equipe foram responsáveis por resgatar no povo francano o orgulho e a paixão pelo basquete. Em diversas partidas da temporada anterior, principalmente nos playoffs, o Ginásio Pedrocão se encontrou completamente lotado, algo que há muito tempo não acontecia.

Na terceira temporada à frente do Franca, Helinho conquistou seus dois primeiros títulos da carreira como treinador: o Campeonato Paulista e a Liga Sul-Americana, vice-campeonato da Copa Super 8, vice-campeão do NBB 2018/2019, entre outros.


Artigos Relacionados