Helinho desabafa sobre a temporada ruim e afirma que resultados virão

Equipe foi vice campeã paulista e acabou eliminada nas quartas de final do NBB

Postado em: em Basquete

O técnico Helinho Garcia, do Sesi Franca Basquete, fez um desabafo emocionado pelo seu Facebook justificando os maus resultados da temporada e afirmando que o projeto dele para a equipe permanece de pé.

Ex-atleta, capitão do time e um dos mais queridos jogadores que já atuaram em Franca, Helinho enalteceu a disputa da final do Campeonato Paulista, após quase dez anos, e afirmou que o tropeço no NBB faz parte do jogo, mas que ele acredita em grandes conquistas. Confira o texto publicado por Helinho: 

“Minha vida e minha carreira estão nesta cidade e no Sesi Franca Basquete. E como apaixonado pelo basquetebol de Franca, é claro que fiquei frustrado e decepcionado com o desempenho do time nas quartas de final da NBB 2017-2018. Poderíamos mais...

Mas isso não significa que todo o trabalho iniciado há dois anos está perdido. Muito ao contrário. O trabalho está em seu curso, com vitórias e derrotas, como ocorre em qualquer processo de busca de uma conquista maior.

O Sesi Franca Basquete merece, a cidade merece e nós merecemos. Mas para isso precisamos trabalhar mais, com paixão, intensidade e gana pela vitória. E isso nós estamos fazendo. Veja!! O Sesi Franca Basquete, há dois anos, atravessava enormes problemas administrativos e financeiros. De forma corajosa, a atual diretoria assumiu a responsabilidade de reerguer um dos maiores times da América Latina de um buraco profundo em que se encontrava.

Para tanto, aceitei o desafio profissional de dirigir tecnicamente o time, independentemente da condição estrutural e financeira oferecida para tanto, e iniciamos uma jornada se valendo de valentes jogadores, que em um ano de trabalho conseguiu alcançar o 3º lugar no Campeonato Paulista de Basquete e 3º lugar na fase de classificação da NBB 2016-2017.

Fruto desse projeto, nossos grandes parceiros, o Magazine Luiza e o Sesi, permitiram um suporte financeiro absolutamente importante para um novo salto. E isso ocorreu nesse ano, em que diversos jogadores foram contratados, e foi quando alcançamos o vice-campeonato Paulista, e a 3ª melhor campanha do NBB.

O trabalho está sendo feito, o processo que envolve a conquista de um título nacional ou internacional está em pleno curso, e a falhas podem ocorrer, como a derrota agora, sofrida de um time que há cinco meses atrás nós ganhamos e comemoramos a classificação para as finais do Campeonato Paulista depois de oito anos.

O tropeço que tivemos não é nada além de um ajuste para o caminho das grandes conquistas que fazem parte do projeto iniciado há dois anos, com o qual estou absolutamente focado, confiante e trabalhando muito.

A confiança da torcida e a busca pela conquista me movem a buscar sempre melhorar minha conduta como treinador. Assim, continuo comprometido com o projeto de levar o Sesi Franca Basquete a alçar grandes conquistas, com humildade para buscar aprimorar aquilo que é necessário, honrando a minha historia como jogador na conquista de 9 Campeonatos Estaduais, 6 Brasileiros, 4 Sul-Americanos, 4 Panamericanos, e um Vice-Campeonato Mundial.

Agradeço a todos que vibram, se envolvem e acreditam no trabalho que está sendo realizado. Juntos somos mais fortes. Rumo ao lugar que o Sesi Franca Basquete merece”.


Artigos Relacionados