Franca sedia 2º Encontro do Núcleo de Pesquisadores Espíritas “Agnelo Morato”

Com entrada gratuita, evento será realizado neste sábado, 11 de maio, no Auditório do Allan Kardec

Postado em: em Religião

Patrono do Núcleo de Pesquisadores Espíritas de Franca, Agnelo Morato nasceu em 07 de maio (Foto: Reprodução)

Acontece neste sábado, 11 de maio, a partir das 14h, no Auditório José Russo, Piso Superior do Hospital Allan Kardec, em Franca, o 2º Encontro do Núcleo de Pesquisadores Espíritas “Agnelo Morato”.

O evento, que é uma singela homenagem a Agnelo Morato, que nasceu no dia 07 de maio e é patrono do Núcleo de Pesquisadores Espíritas, terá como tema central, “Cenário contemporâneo das pesquisas sobre reencarnação” e será desenvolvido no formato de um Grupo de Trabalho (GT), nos moldes de congresso científico, com apresentações sobre os seguintes assuntos: “Hernani Guimarães Andrade, pesquisador espírita”, Adolfo de Mendonça Junior; “As pesquisas de Ian Stevenson”, Lucileida Mara de Castro; “Os estudos de Hermínio C. Miranda”, Maria Carmen Martiniano; “Pesquisar cientificamente a reencarnação”, Mário Arias Martinez; “Simetrias Históricas: a metodologia de Hermínio Miranda”, Nadia Luz; “Evidencias científicas da Reencarnação”, Nanci Soares; “A reencarnação e sua relação com a TVP”, Rutinéia Cristina Martins Silva; “Os estudos de Antônia Mills”, Sônia Lúcia da Silva Rodrigues e “Reencarnação: crença ou objeto de estudo”, William Tristão.

O 2º Encontro do Núcleo de Pesquisadores Espíritas “Agnelo Morato” apresenta como proposta de desenvolvimento, aprofundamento e discussão o tema central “Cenário Contemporâneo das Pesquisas sobre Reencarnação”, sob o prisma científico.
Em regra formado por acadêmicos, a proposta do ano de 2019 apresenta como base os Novos Estudos sobre a Reencarnação, consistente em um compilado de artigos apresentados no 11º Encontro Nacional da Liga de Pesquisadores do Espiritismo (LIHPE).
Referidos artigos, conquanto sirvam de alicerces, constituem o meio para o alargamento da pesquisa científica com base no cenário contemporâneo da reencarnação, motivo pelo qual outras fontes compõem os trabalhos.
Nesse sentido, os estudos têm como início desde a discussão da reencarnação como crença, sob o olhar do senso comum, até pesquisas de autores renomados, a exemplo de Albert de Rochas, Ian Stevenson, Antonia Mills, Jim Tucker, Hernani Guimarães Andrade e Hermínio Miranda.

História do Patrono

Agnelo Sarto Morato nasceu em 7 de maio de 1910, na cidade mineira de Itajubá e desencarnou em Franca em 18 de abril de 1994, com quase 84 anos.

O seu pai era Domingos Sarto Morato e a mãe, Joséfina Troccoli Morato. Casou-se com Erlinda Calixto Morato, em 29/10/1938 e teve os seguintes filhos: Alcir O. Morato, (28/03/1940 – 19/12/2016), Carlos Ibaê Morato (16/01/1942), Agnelo Júnior (02/04/1949 - 23/07/1972) e Erlindo César Morato (19/10/1955).

Formou-se em Odontologia na Faculdade de São Sebastião do Paraíso. Residiu em Cássia, Sacramento, Cristais Paulista e Franca. Fundou o Centro Espírita da Cidade de Cristais Paulista, em 19 de janeiro de 1939.

Exerceu as funções paralelas de Subdelegado de Polícia, Presidente do Centro Odontológico de Franca e Inspetor do Serviço Dentário Escolar. Era um homem de vasta cultura e interesses diversos. Foi teatrólogo, poeta, radialista (PRB5 e Difusora), literato, músico e espírita. Como teatrólogo tinha um grupo em Cristais Paulista em 1930 – escrevendo as seguintes peças: Paz sem tranquilidade; Priminho do Coração; Sinal Verde Amarelo; Encontro com a Consciência; A vingança do judeu, A redenção do caipira.

Como literato e poeta pertenceu à Academia Ribeirão Pretana de Letras – É de sua autoria as obras: IBNE (em homenagem ao filho, desencarnado, Agnelinho; De Sacramento à Palmelo; Subsídios para a História do Espiritismo em Franca; Vergéis do Rio Grande.

Como músico escreveu a letra da música “Terra dos meus sonhos”, uma espécie de hino popular de Franca e foi um dos fundadores do Clube da Saudade de Franca. E como espírita foi um dos fundadores do Grêmio Espírita de Franca, provedor do Hospital Allan Kardec, redator do jornal A Nova Era, um dos fundadores da ABRAJEE (Associação Brasileira de Jornalistas e Escritores Espíritas), tutor da Juventude Cultural Espírita de Franca, hoje conhecida como MEF (Mocidade Espírita de Franca), além de ser orador, memorialista e useano, membro da USE/Franca (USE Intermunicipal de Franca), antiga UNIME e USE Regional de Franca, antigo CRE.


O 2º Encontro do Núcleo de Pesquisadores Espíritas “Agnelo Morato” tem entrada gratuita e terá início às 14h do próximo sábado, 11 de maio, à Rua José Marques Garcia, 675. Mais informações pelo telefone (16) 99165-5850 ou pelo e-mail: [[email protected]].


Artigos Relacionados