​Emprego em curtumes, borracha e palmilhas dá sinais de recuperação

Neste ano, de janeiro a maio o setor criou 350 novas vagas de trabalho com carteira assinada

Postado em: - Atualizado em: em Trabalho

Setor de solados de borracha, ao lado de couros e peles, mostra recuperação em 2016

Embora tenha registrado a eliminação de 28 vagas de emprego no mês de maio, a indústria de transformação derivada do setor de calçados, como borracha, curtumes e componentes, como palmilhas, se recupera em Franca em 2016.

Neste ano, de janeiro a maio o setor criou 350 novas vagas de trabalho com carteira assinada na cidade, segundo dados do Caged – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho.

Os dados mostram que a cidade tem 405 estabelecimentos empregadores com carteira assinada, os chamados “empregos formais” e conta com 3.889 trabalhadores na área.

De janeiro a maio foram admitidos 952 empregados nestes estabelecimentos, mas desligados 602, com saldo positivo de 350 vagas criadas.

Nos últimos 12 meses, porém, devido à crise mais aguda em 2015, foram admitidos 2.944 trabalhadores e desligados 3.202, com saldo negativo de 258 de maio/15 a maio/16.

O mês de maio teve saldo negativo de 28 empregos porque foram contratados 124 trabalhadores, mas demitidos 152. 

​Admitidos​Desligados​Saldo 
​Em 12 meses​2.944​3.2002- 258​
​Em maio​124​152​- 28
​Em 2016 ​952​602​+ 350
Fonte: Caged



Artigos Relacionados