Daesp publica edital para obras na pista do Aeroporto Leite Lopes em Ribeirão

Serviços orçados em R$ 4,2 milhões contemplam necessidades que são esperadas há seis anos

Postado em: em Serviços

Aeroporto Leite Lopes em Ribeirão Preto, SP (Foto: Reprodução/EPTV)

Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo (Daesp) publicou nesta quinta-feira (12) o edital para execução de obras na pista do Aeroporto Leite Lopes, em Ribeirão Preto (SP). Os serviços estão orçados em R$ 4,2 milhões e os envelopes das empresas concorrentes serão abertos no dia 13 de agosto.

O prazo para conclusão das melhorias é de 180 dias a partir da assinatura do contrato e da expedição da ordem de serviço.

As obras são parte do pacote que prevê a expansão do aeroporto para um terminal internacional de cargas. 

Em abril, o Governo de São Paulo destinou R$ 8,6 milhões para os serviços  em contrapartida ao investimento de R$ 79,2 milhões do governo federal.

Do total empenhado pelo governo de São Paulo, R$ 4,2 milhões serão usados para implantação de área de giro nas cabeceiras, instalação de acostamento nas pistas de taxiamento de aeronaves e reforço na pista de táxi para acesso ao pátio. De acordo com o Daesp, essas obras foram retiradas do referido Termo de Compromisso por meio de aditamento.

Segundo o edital, os serviços da empresa vencedora da licitação serão fiscalizados por uma equipe técnica designada pelo Daesp.

O restante das obras, que inclui ampliações do terminal de passageiros e do pátio de aeronaves, e a seção contra incêndio, está previsto para ser executado com os recursos da Secretaria Nacional de Aviação Civil.

Pista do Aeroporto Leite Lopes em Ribeirão Preto, SP (Foto: Reprodução/EPTV)

Em operação desde 1939, o Leite Lopes funciona em tempo integral com voos de passageiros e cargas, mas ainda não tem condições de operar voos internacionais e há pelo menos seis anos espera melhorias. Em 2017, a unidade registrou o menor volume de passageiros em sete anos.

Além do convênio entre os governos estadual e federal, a parceria prevê que a Prefeitura de Ribeirão Preto realize melhorias nas avenidas no entorno do aeroporto.

A ampliação tinha, em julho de 2011, um projeto maior orçado em R$ 256 milhões, mas que não prosperou devido a impasses em questões como licenciamento ambiental. Com licitação prevista para setembro de 2015, essas intervenções foram adiadas para 2016 devido à recessão econômica e acabaram não saindo do papel.

Em setembro do ano passado, o aeroporto chegou a ficar de fora da lista prioritária de investimentos do governo federal na aviação regional, mas voltou a ser incluído, com a garantia dos cerca de R$ 80 milhões, devido a uma redução no projeto original.


Artigos Relacionados