Curso prepara fotógrafos para o mercado mundial de bancos de imagens

Aulas são online e ensinam como se tornar um contribuidor para os maiores bancos de imagens do mundo

Postado em: em Cidades

Paulo Vilela lança curso inédito com 16 aulas, todas online (Foto: Reprodução)

O fotógrafo de Ribeirão Preto, Paulo Vilela, lança um curso de fotografia online inédito com técnicas de como se tornar um fotógrafo contribuidor de sucesso para os maiores bancos de imagens do mundo. As aulas, divididas em seis módulos com 16 aulas, ensinam os segredos para se vender fotos e vídeos para o mundo todo, o que possibilita ao profissional ganhar em dólares.

Com expertise em vendas de fotos nos maiores bancos de imagens do mundo, Paulo Vilela atua nesta área há quatro anos e já vendeu mais de 100 mil fotos e vídeos em vários bancos de imagens internacionais. Hoje, seu faturamento somente com a venda de fotos disponíveis para compra nos bancos de imagens, gira em torno de U$ 4 mil dólares por mês, totalizando U$ 48 mil dólares por ano. Segundo Paulo Vilela, este é um mercado em potencial. "Há uma diferença neste segmento mundial – as fotos são vendidas em dólar, mas a mesma foto pode ser vendida milhares de vezes. Esse é o segredo do negócio", explica.

O foco do curso é ensinar como se tornar um especialista em fotos que vendem mais, ou seja, como se transformar em um fotógrafo contribuidor de sucesso. São aulas em vídeo com mais de cinco horas de duração com técnicas, dicas e orientações. Entre elas, formas de como organizar os arquivos e subir as imagens já prontas do celular ou do HD, ensinamentos sobre equipamentos e iluminação e como produzir com qualidade com o equipamento que se tem em mãos e até com o celular. O curso também ensina como fazer imagens de sucesso, com um custo zero para iniciar rapidamente as primeiras vendas, além de como produzir fotos e vídeos vendáveis - aprendendo o que o mercado busca.

Entre a programação, haverá uma aula específica para aprender a efetuar os tagueamentos corretos (mesmo para aqueles alunos que não dominam o inglês – língua oficial dos grandes bancos de imagens mundiais). A proposta é ensinar aos participantes como subir suas imagens em todos os bancos com a descrição e as tags prontas, de forma a otimizar o trabalho, o que amplia o potencial de vendas. Direitos autorais, drones e aulas ao vivo, em estúdio, produções fotográficas publicitárias, principalmente sobre alimentos, pessoas e produtos, também fazem parte do curso.

"A proposta é ensinar como se produzir fotos de qualidade, mesmo com o celular, com dicas de enquadramento e de tratamento no Photoshop para que as imagens fiquem mais vendáveis", explica Paulo Vilela.
A agência Shuttersctock, parceira do curso, cedeu alguns brindes para os primeiros 54 inscritos. O curso oferece ainda um bônus: um curso completo de como produzir fotos de cervejas artesanais. "Este é um mercado que só cresce e o fotógrafo pode encontrar aí um novo nicho de atuação", explica Vilela. Segundo ele, a sua meta como o curso é tornar os alunos especialistas neste mercado. "É um curso inédito e nosso objetivo é fazer com que os fotógrafos brasileiros ganhem espaço no eixo internacional".

O curso tem um investimento de R$ 690, mas como exclusividade para a sua primeira turma, o valor é R$ 390,00 divididos em até 12 parcelas. Informações através do telefone:l (16) 98111-8250 ou pelo site www.contribuidordesucesso.com.br.


Artigos Relacionados