Com sabor inconfundível e delicioso, curry é rico em propriedades medicinais

Derivado de várias ervas, como cominho, coentro e cúrcuma, tempero se destaca por inúmeros benefícios

Postado em: em Mais+

Ele não é um tempero único, oriundo de apenas uma erva, mas da combinação de várias. Famoso condimento amarelo, o curry é especialmente usado na gastronomia em pratos de origem indiana, embora nos últimos tempos possa ser visto dando um sabor a mais em pratos como sopas, molhos, carnes, legumes e até em hambúrgueres e saladas.

Mas, além de seu sabor inconfundível e delicioso, o curry é rico em propriedades medicinais poderosas, que ajudam na manutenção da saúde e ainda pode queimar gordura. Segundo a nutricionista Clarissa Xavier, existem evidências científicas de que o consumo do curry pode auxiliar na prevenção da doença de Alzheimer e alguns tipos de câncer. "Um dos mecanismos para esses achados decorreria da capacidade dos elementos fitoquímicos presentes no curry em exercer atividade protetora do organismo frente aos efeitos dos radicais livres", explica.

Danos às células do sistema nervoso constituiriam numa das principais causas do desenvolvimento de doenças neurodegenerativas, como o Alzheimer. O consumo de curry poderia atuar de forma positiva na prevenção de determinados tipos de câncer, visto que a doença se caracteriza pelo crescimento desordenado de células no organismo, e os compostos presentes no curry poderiam exercer efeito sobre proteínas que regulam a proliferação de células associadas ao seu desenvolvimento.

Clarissa cita pesquisas conduzidas em camundongos expostos a altas concentrações de curcumina, que evidenciaram menor dano às células no sistema nervoso dos animais, em virtude do aumento de atividade da enzima hemeoxigenase, que protege o DNA das células contra os danos causados pelos radicais livres. Estudos in vitro demonstraram a eficiência de determinados compostos presentes no curry no processo de destruição de células malignas. Dessa forma, a ação do curry no tratamento de alguns tipos de câncer, como garganta, cólon, mama e próstata, tem recebido cada vez mais atenção de pesquisadores.

Além disso, o consumo de curry é visto de forma benéfica em termos de inflamação, dor e até para tratar a artrite reumatoide. Por suas propriedades anti-inflamatórias, a especiaria diminui a inflamação das articulações e sua degradação, assim como alivia a dor associada às doenças dessa parte do corpo. Para completar, dois dos ingredientes comumente encontrados no curry, cardamomo e manjericão doce, foram caracterizados como vasodilatadores. Eles afetam as proteínas no organismo que reduzem a tensão nos vasos sanguíneos. Isto leva a uma diminuição na pressão sanguínea, o que reduz as possibilidades de várias condições cardiovasculares, incluindo a aterosclerose, ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais.

O tempero

Embora não exista uma composição padrão para a produção do curry, os principais componentes geralmente são cominho, coentro e cúrcuma. Outros ingredientes comumente encontrados no tempero incluem: pimenta vermelha ou preta, mostarda, gengibre, cravo, cardamomo, folhas de louro, entre outros.

O tempero é nativo da culinária do sul da Ásia, mas foi popularizado entre os séculos 19 e 20 nas mesas do mundo ocidental devido à exportação em massa do pó como um condimento, depois que ele foi descoberto por tropas e outros visitantes coloniais que passaram pelo Oriente. Em meados do século 20, a culinária indiana se tornou mais popular, de modo que o curry hoje está amplamente disponível para consumo.


Artigos Relacionados