Alanis Morissette diz que profissionais da saúde mental salvaram sua vida

Entre outras coisas, cantora canadense diz que sofre com distúrbio alimentar desde a infância

Postado em: em Um Toque a +

Alanis Morissette lança nesta semana seu novo álbum

A cantora Alanis Morissette, que lança nesta semana seu novo álbum, falou sobre a nova fase de trabalho, a quarentena e, principalmente, sua saúde mental em uma entrevista recente ao jornal "The Guardian".

A canadense revelou à publicação a importância das sessões de terapia que fez durante a vida e chegou a afirmar que não estaria viva se não fosse pela ajuda dos profissionais. "Se eu não tivesse uma equipe inteira de terapeutas ao longo da minha vida, acho que hoje não estaria aqui".

Segundo Alanis, ela se tratou para conseguir lidar com o vício pelo trabalho, por amor e comida, já que desde a infância sofre de um distúrbio alimentar.

A artista ainda revelou como tem sido ficar em casa durante a pandemia cuidando de seus três filhos ao mesmo tempo em que trabalha no lançamento do "Such Pretty Forks in the Road", que sai nesta sexta-feira, dia 31.

Segundo ela, seu humor muda muito rápido e em questão de horas ela tem várias sentimentos diferentes, como gratidão, fúria e desânimo.


Artigos Relacionados